terça-feira, 1 de outubro de 2013

Artista do mês de outubro - Leonardo da Vinci


Leonardo da Vinci foi um dos maiores e mais inventivos génios de sempre!

Além da sua excepcional notabilidade como pintor, Leonardo da Vinci distinguiu-se como anatomista, físico, engenheiro, inventor, arquiteto, escultor, cartógrafo, geólogo, astrónomo, compositor, poeta e matemático. 



Auto-retrato. 1513
Eventual falsificação do século XIX. Desenho. 33,2cm x 21,2cm
Biblioteca Reale, Turim

Resumo Biográfico
 
Leonardo da Vinci nasceu em Anchiano,
perto de Vinci, a 15 de abril de 1452.
Era filho do notário Piero di Antonio da Vinci e de uma camponesa, Catarina.
No ano do seu nascimento, o seu pai casou com uma mulher muito mais nova, Albiera di Giovanni Amadori. Leonardo foi separado da mãe aos 5 anos de idade e, a partir de então, passou a viver com o pai. Leonardo cresceu no campo e adorava a natureza e uma grande paixão por cavalos que, mais tarde, foram objeto de magníficos estudos.

Em 1469, Leonardo mudou-se para Florença onde iniciou a sua aprendizagem em pintura no atelier do célebre pintor florentino Andrea del Verrocchio (1436-1488).

Em 1472 iniciou investigações anatómicas. Elaborou então inúmeros desenhos e esquemas do corpo humano.


Desenho Anatómico: Estudos do Ombro. 1510
Pena e tinta com aguada, sobre giz preto.  29,2 x 19,8 cm
Royal Library, Windsor


Desenho Anatómico: Feto no Útero
1510-1512.
Desenho a pena com tinta castanha e aguada.  30,4 x 22 cm.
Royal Library, Windsor


Homem Vitruviano, 1490.
Pena, tinta e lápis sobre papel.  34,3 x 24,5 cm.
Galeria dell’Academia, Veneza


O seu primeiro desenho, intitulado “Desenho da paisagem do Vale do Arno”, é datado de 1473.

Até 1480, produziu uma série de quadros pequenos, como “Madona com Cravo”, “Madona Benois” e, possivelmente, também “Anunciação”. Em 1482, mudou-se para Milão e ofereceu os seus serviços como engenheiro, escultor e pintor a Ludovico Sforza (1451-1508).



Máquina para elevação de pesos, pormenor. 1503-1504.
Desenho a pena Codex Atlanticus, folio 80-b
Biblioteca Ambrosiana, Milão


De 1483 até 1486, juntamente com Ambrogio e Evangelista de Predis, aceitou e executou a encomenda de uma pintura de altar “A Virgem dos Rochedos”.

De 1487 até 1488, trabalhou como arquiteto no atelier da Catedral de Milão.
Em 1489, Leonardo planeou um tratado de anatomia com base numa grande coleção de desenhos anatómicos que havia realizado a partir de observações e dissecações humanas e animais.



Igreja de Planta Centrada com cúpula e oito capelas
1484. Desenho a pena Codex Ashburnham 20137, folio 5v
Institute de France, Paris

De 1489 até 1494, trabalhou na estátua equestre de Francesco Sforza em Milão. Nesse mesmo período pintou “Retrato de Cecilia Gallarani “e o retrato de “Lucrezia Crivelli”.

De 1495 até 1498, Leonardo entregou-se à pintura de “A Última Ceia” encomendada por Ludovico Sforza.


A Última Ceia. 1945-1497
Óleo e têmpera sobre alvenaria. 422 x 904 cm
Santa Maria delle Grazie, Milão

Em 1500, regressou a Florença e iniciou aquele que seria o seu período mais produtivo como pintor.

Estudo em prespetiva para o plano de fundo de “A Adoração dos Magos”. 1481
Pena, tinta castanha, traços a ponta de prata e a branco sobre papel (fac-símile)
16,5 x 29 cm. Gabinetto dei Disegni e delle Stampe, Florença

Em 1502, viajou por Itália com Cesar Borgia como arquiteto e engenheiro. Neste altura, desenhou mapas e outros tipos de representações geográficas.

Em 1503, regressou a Florença e iniciou o retrato de Lisa del Giocondo, esposa de Francesco del Giocondo. Nesta altura começou a pintura mural da “Batalha de Anghiari”.

Mona Lisa (La Gioconda), 1503-1506.
Óleo sobre madeira.  77 x 53 cm.
Musée du Louvre, Paris
Em 1513, Leonardo da Vinci foi para Roma com o seu novo mecenas, Giuliano de Medici.

Em 1514/1515 iniciou uma série de experiências científicas. Entre outras coisas, planeou a drenagem dos pântanos de Pontini, a sul de Roma.

Em 1516, após a morte de Giuliano de Medici, foi para França trabalhar na corte de Francisco I.

Morreu em Cloux em 1519.

Foi sepultado na Igreja de S. Florentino, em Ambroise, destruída durante a revolução francesa.*

*Informação retirada do site: http://www.educ.fc.ul.pt/docentes/opombo/seminario/davinci/biografia.htm

Sem comentários:

Enviar um comentário